Como calcular o Simples Nacional

Por: | Data: setembro 9, 2021

Como calcular o Simples Nacional

O Simples é o regime tributário mais utilizado do país, mas você sabe como calcular o Simples Nacional?

Mais de 90% das empresas brasileiras estão cadastradas no Simples Nacional, no entanto, são poucos os empresários e empreendedores que sabem calcular os impostos neste regime.

Você deseja entender como funciona o cálculo de impostos no Simples Nacional? Então, vale a pena conferir este conteúdo até o final e tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto.

Neste conteúdo, apresentaremos todos os anexos do Simples Nacional, as alíquotas de contribuição e as fórmulas utilizadas para encontrar o valor dos impostos devidos.

Como calcular o Simples Nacional: Anexos

Quando o assunto é como calcular o Simples Nacional, a primeira coisa que precisamos levar em consideração são os seus anexos.

O Simples Nacional conta com 5 anexos, cada qual com as suas faixas e alíquotas de faturamento, veja:

Anexo I – Comércio

Faixa Receita em 12 meses Alíquota Valor a deduzir
Até 180.000,00 4,00%
De 180.000,01 a 360.000,00 7,30% R$ 5.940,00
De 360.000,01 a 720.000,00 9,50% R$ 13.860,00
De 720.000,01 a 1.800.000,00 10,70% R$ 22.500,00
De 1.800.000,01 a 3.600.000,00 14,30% R$ 87.300,00
De 3.600.000,01 a 4.800.000,00 19,00% R$ 378.000,00

Anexo II – Indústria

Faixa Receita em 12 meses Alíquota Valor a deduzir
Até 180.000,00 4,50%
De 180.000,01 a 360.000,00 7,80% R$ 5.940,00
De 360.000,01 a 720.000,00 10,00% R$ 13.860,00
De 720.000,01 a 1.800.000,00 11,20% R$ 22.500,00
De 1.800.000,01 a 3.600.000,00 14,70% R$ 85.500,00
De 3.600.000,01 a 4.800.000,00 30,00% R$ 720.000,00

Anexo III – Serviços

Faixa Receita em 12 meses Alíquota Valor a deduzir
Até 180.000,00 6,00%
De 180.000,01 a 360.000,00 11,20% R$ 9.360,00
De 360.000,01 a 720.000,00 13,20% R$ 17.640,00
De 720.000,01 a 1.800.000,00 16,00% R$ 35.640,00
De 1.800.000,01 a 3.600.000,00 21,00% R$ 125.640,00
De 3.600.000,01 a 4.800.000,00 33,00% R$ 648.000,00

Anexo IV – Serviços

Faixa Receita em 12 meses Alíquota Valor a deduzir
Até 180.000,00 4,50%
De 180.000,01 a 360.000,00 9,00% R$ 8.100,00
De 360.000,01 a 720.000,00 10,20% R$ 12.420,00
De 720.000,01 a 1.800.000,00 14,00% R$ 39.780,00
De 1.800.000,01 a 3.600.000,00 22,00% R$ 183.780,00
De 3.600.000,01 a 4.800.000,00 33,00% R$ 828.000,00

Anexo V – Serviços

Faixa Receita em 12 meses Alíquota Valor a deduzir
Até 180.000,00 15,50%
De 180.000,01 a 360.000,00 18,00% R$ 4.500,00
De 360.000,01 a 720.000,00 19,50% R$ 9.900,00
De 720.000,01 a 1.800.000,00 20,50% R$ 17.100,00
De 1.800.000,01 a 3.600.000,00 23,00% R$ 62.100,00
De 3.600.000,01 a 4.800.000,00 30,50% R$ 540.000,00

As empresas são vinculadas aos anexos com base nas atividades que desenvolvem. Não sabe qual é o anexo de enquadramento da sua empresa? Consulte a sua contabilidade.

Como calcular o Simples Nacional: Passo a Passo

Preparamos um passo a passo com etapas práticas sobre como calcular o Simples Nacional, veja como funciona:

1º Passo: Calcule a Receita Bruta dos últimos 12 meses

Quando o assunto é como calcular o Simples Nacional, calcular a receita dos últimos 12 meses é essencial, pois indicará a faixa de enquadramento das empresas em cada anexo, com suas respectivas alíquotas.

Para encontrar a Receita Bruta dos últimos 12 meses, some todas as vendas e serviços prestados pela sua empresa no período.

Casos específicos para encontrar a Receita:

  • Empresas no 1º mês de atividade: Considera-se a receita do mês em questão multiplicada por 12.
  • Empresas com 2 a 11 meses de atividade: Considera-se uma média, utilizando a seguinte fórmula: (Receitas Acumuladas / Número de Meses Corridos) x 12 = Receita Total.

2º Passo: Encontre a faixa e alíquota de contribuição

Com a receita dos últimos 12 meses em mãos, é hora de localizar a faixa e alíquota de contribuição nos anexos do tópico anterior.

Vale destacar que está etapa é fundamental para você que deseja saber como calcular o Simples Nacional.

Para facilitar o seu entendimento, vamos utilizar como exemplo, uma empresa enquadrada no segmento do comércio (Anexo I) com faturamento de R$ 500 mil nos últimos 12 meses.

Essa empresa deve utilizar a alíquota de cálculo da 3ª faixa do referido anexo, ou seja, 9,50% e parcela a deduzir de R$ 13.860,00

3º Passo: Calcule a alíquota efetiva

Agora, é hora de calcular a alíquota efetiva do Simples Nacional, ou seja, a alíquota após as deduções previstas na tabela.

É importante destacar que não há como calcular o Simples Nacional corretamente sem essa informação.

Sendo assim, utilizaremos a seguinte fórmula:

(RBT12 X Alíquota – PD) / RBT12

Onde:

RBT12: Receita Bruta nos últimos 12 meses

Alíquota: Alíquota indicada no Anexo

PD: Parcela a deduzir indicada no Anexo

Veja o exemplo e aprenda a como calcular o Simples Nacional de forma prática:

Alíquota efetiva: (R$ 500.000,00 x 9,50% – R$ 13.860,00) / R$ 500.000,00

Alíquota efetiva: (R$ 47.500,00 – R$ 13.860) / R$ 500.000,00

Alíquota efetiva: R$ 33.640 / R$ 500.000,00

Alíquota efetiva: 0,06728 ou 6,728%

Sendo assim, chegamos a alíquota efetiva a ser cobrada sobre a empresa do nosso exemplo.

4º Passo: Como calcular o valor do Simples na prática

Por fim, basta multiplicar o faturamento do mês em questão pela alíquota e encontrar o valor do Simples Nacional a pagar. Veja o exemplo:

Faturamento no mês: R$ 50.000,00

Alíquota: 6,728%

Valor do Simples Nacional: R$ 50.000,00 x 6,728% = R$ 3.364,00

Viu só como calcular o Simples Nacional é fácil?

No entanto, vale destacar que você não precisa realizar esse cálculo todos os meses, deixe que a Já Calculei faça isso por você e emita a sua guia mensal do Simples Nacional.

Contabilidade Online

Como calcular o Simples Nacional e emitir a guia DAS?

O DAS – Documento de Arrecadação do Simples Nacional, deve ser emitido mensalmente para pagamento do imposto devido, cujo vencimento acontece no dia 20 de cada mês.

Conte com a Já Calculei e tenha a certeza de estar pagando o valor correto ao Simples Nacional.

Clique aqui para conhecer os nossos planos especiais para empresas do Simples.

Com a Já Calculei você tem acesso a uma plataforma de contabilidade online com todas as informações e documentos da sua, incluindo as guias de pagamento do Simples Nacional.

Quem conta com a comodidade oferecida pelo nosso serviço de contabilidade online não precisa se preocupar em como calcular o Simples Nacional.