Como abrir uma empresa para engenheiros: Passo a passo completo





Como abrir uma empresa para engenheiros

Por: | Data: fevereiro 3, 2022

Como abrir uma empresa para engenheiros

Como abrir uma empresa para engenheiros? Essa é uma dúvida muito comum entre profissionais que já estão no mercado e profissionais recém-formados, ou seja, que concluíram o curso de engenharia e pretendem ingressar no mercado com um negócio próprio.

As empresas de engenharia atuam em um segmento de mercado muito lucrativo e também importante para a economia e para o desenvolvimento da sociedade.

Neste conteúdo, vamos apresentar todos os detalhes sobre a abertura de empresas para engenheiros e tirar as principais dúvidas sobre o assunto.

O que faz um engenheiro?

A engenharia é uma área vital para o desenvolvimento da sociedade e também multidisciplinar.

Existem diferentes segmentos e especializações dentro da engenharia, todas elas com a sua relevância e importância, como por exemplo:

  • Engenharia Civil;
  • Engenharia Elétrica;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia de Produção;
  • Engenharia Naval;
  • Engenharia Aeronáutica;
  • Engenharia de Materiais;
  • Engenharia Química;
  • Engenharia Ambiental.

Abrir Empresa

Independente do ramo ou área de atuação, o profissional de engenharia encontra soluções para problemas da sociedade, desenvolve projetos e supervisiona a sua execução.

Para desenvolver as competências que precisam para desempenhar suas funções, os engenheiros precisam concluir o curso de Bacharel em Engenharia, cuja duração é de 5 anos.

Além disso, esses profissionais precisam de registro no CREA – Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, entidade responsável por fiscalizar o exercício da profissão.

Engenheiro Pessoa Física ou Pessoa Jurídica: Qual a melhor opção

Profissionais de engenharia exercem uma profissão de caráter liberal, fiscalizada por conselho de classe e como tal, podem optar por trabalhar sob regime CLT, como pessoa física (engenheiro autônomo) ou pessoa jurídica.

Dentre as opções, aquela que vem chamando maior atenção dos profissionais da área é a abertura de um CNPJ e a formalização das suas atividades como pessoa jurídica.

  • CLT: Quando atuam em regime CLT, os engenheiros nem sempre conseguem alcançar a remuneração que desejam e além disso contam com menor flexibilidade de horários.
  • Pessoa Física: Por outro lado, quando atuam como autônomos, na condição de pessoa física, ficam sujeitos à tributação dos seus rendimentos mensais pelo IRPF – Imposto de Renda Pessoa Física, cuja alíquota pode chegar a 27,50%.
  • Pessoa Jurídica: Por fim, quando decidem abrir um CNPJ, além de formalizar suas atividades, podem contar com impostos muito menores, a partir de 6% ao mês no Simples Nacional.

Diante da maior flexibilidade de horários, autonomia e também da economia de impostos, não restam dúvidas de que o exercício da profissão como pessoa jurídica é a melhor opção para os engenheiros.

O que é necessário para abrir uma empresa para engenheiros?

O processo relacionado a abertura de empresa para engenheiros é composto por uma série de etapas que precisam ser guiadas por um escritório de contabilidade especializado.

Na sequência apresentamos em detalhes cada etapa, confira:

1.Definição da natureza jurídica e regime tributário

Um dos primeiros passos relacionados a como abrir uma empresa de engenharia consiste na escolha de uma natureza jurídica e regime tributário, com o apoio da contabilidade.

Em relação a natureza jurídica ou tipo de empresa, o engenheiro tem as seguintes opções:

  • SLU – Sociedade Limitada Unipessoal: Para engenheiros que desejam abrir uma empresa individual, ou seja, sem o objetivo de incluir sócios no negócio.
  • Sociedade Empresária Limitada: Para abertura de empresas de engenharia por meio de uma sociedade com profissionais de outras áreas.
  • Sociedade Simples: Para abertura de empresas de engenharia constituídas por uma sociedade entre dois ou mais engenheiros.
  • Sociedade Anônima: Para abertura de empresas de engenharia de grande porte, normalmente, com pretensão de abrir capital na Bolsa de Valores.

Por sua vez, em relação ao regime tributário, às empresas de engenharia possuem as seguintes opções:

  • Simples Nacional: Regime tributário para empresas de engenharia com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões e alíquota inicial de tributação correspondente a 6% sobre o faturamento mensal.
  • Lucro Presumido: Para empresas de engenharia com faturamento anual de até R$ 78 milhões e tributação a partir de 13,33% sobre o faturamento mensal.
  • Lucro Real: Para empresas que faturam mais de R$ 78 milhões ou possuem margem de lucro reduzida.

2.Escolha do CNAE

Após definir a natureza jurídica e o regime tributário, o engenheiro precisará definir em conjunto com a sua contabilidade, as atividades que pretende desenvolver.

A definição de atividades é um passo essencial para a escolha dos CNAEs que serão vinculados ao CNPJ da empresa.

Dentre as opções disponíveis, a mais utilizada é a 7112-0/00 – Serviços de engenharia.

3.Separe os documentos necessários

Quem pretende abrir uma empresa para engenheiros também precisa separar alguns documentos, são eles:

  • RG e CPF;
  • Comprovante de Residência;
  • Carnê IPTU do local escolhido para instalação da empresa;
  • Certidão de Casamento (quando casado);
  • Registro no CREA.

4.Registro na Junta Comercial e emissão do CNPJ

Com os documentos e todas as demais informações que precisa, a contabilidade iniciará o andamento dos trâmites para abertura da empresa de engenharia, incluindo:

  • Registro na Junta Comercial ou Cartório de Pessoas Jurídicas;
  • Emissão do CNPJ – Cadastro Nacional das Pessoas Jurídicas;
  • Emissão da Inscrição Municipal;
  • Emissão do Alvará de Localização e Funcionamento.

5.Registro no CREA

Para finalizar o processo para abertura e legalização de uma empresa de engenharia, será necessário solicitar o seu registro no CREA.

Como comentamos anteriormente, o CREA é a entidade responsável por fiscalizar o desenvolvimento das atividades de engenharia no país.

Para legalização da empresa no órgão em questão, será necessário pagar uma taxa de registro e definir um engenheiro responsável pelas atividades da empresa.

Abrir Empresa

Quanto custa abrir uma empresa de engenharia?

Quando o assunto é a abertura de empresas de engenharia, uma das principais dúvidas dos interessados, diz respeito aos custos para abrir esse tipo de empresa.

Atualmente, quem pretende abrir uma empresa de engenharia precisa arcar com os seguintes custos:

  • Taxa para registro da empresa na Junta Comercial;
  • Taxa para registro e legalização no CREA;
  • Honorários da Contabilidade.

No entanto, temos uma boa notícia para aqueles que desejam economizar: aqui na Calculei, a abertura de empresas é gratuita, ou seja, assinando um dos nossos planos, você não precisa pagar honorários adicionais para abrir a sua empresa.

Deseja saber mais? Fale com um especialista: Clique aqui e entre em contato conosco!