Como abrir um consultório médico

Por: | Data: agosto 1, 2022

Como abrir um consultório médico

Como abrir um consultório médico? Esse tipo de dúvida é muito comum entre médicos que sonham em ter o próprio consultório, uma agenda lotada, flexibilidade e rendimentos melhores.

Se você chegou até aqui pois também possui esse tipo de dúvida, a boa notícia é que você chegou ao lugar certo!

Confira o que você vai conferir ao longo deste conteúdo:

  • Como montar um consultório médico?
  • Médico pode ser MEI?
  • Quanto custa abrir um consultório médico?
  • Quanto é o imposto para consultórios médicos?
  • Como abrir um consultório médico [Passo a Passo]

Para saber mais, continue conosco e acompanhe com atenção cada detalhe que apresentaremos na sequência.

Abrir Empresa

Como montar um consultório médico?

Quando o objetivo é abrir um consultório médico, uma das primeiras coisas que precisamos levar em consideração é a elaboração de um plano de negócios.

O plano de negócios é um documento fundamental para todo e qualquer empreendimento, pois reúne uma série de informações que são úteis para que o empreendedor não tome decisões equivocadas.

Um bom plano de negócios para consultórios médicos, deve reunir os seguintes itens:

  • Planejamento financeiro;
  • Definição do público-alvo;
  • Definição de metas;
  • Escolha da localização adequada;
  • Atividades a serem desenvolvidas;
  • Planejamento de marketing;
  • Estrutura e mão de obra necessária.

Por sua vez, com um plano de negócios em mãos, escolha a sala comercial ideal para montar o seu consultório, avalie a necessidade de reformas e adquira os itens de informática e a mobília necessária.

Inicie um trabalho de divulgação e comece a divulgar o seu novo local de atendimento para clientes e potenciais clientes.

Com uma boa dose de trabalho e dedicação, em pouco tempo o seu consultório poderá se transformar em uma referência na sua cidade.

Médico pode ser MEI?

Quando o assunto é como abrir um consultório médico, muitos profissionais questionam se podem fazer isso como MEI.

No entanto, em meio a esse tipo de dúvida, precisamos esclarecer que de acordo com a legislação em vigor, médico não pode ser MEI.

A medicina é uma atividade regulamentada por lei e fiscalizada por conselho de classe, e, portanto, não está presente no rol de atividades permitidas para o Microempreendedor Individual.

Quanto custa abrir um consultório médico?

Ao contrário do que muitos profissionais acreditam, para abrir um consultório médico não é necessário um alto investimento.

Além dos custos com estrutura (aluguel, mobília, itens de informática e papelaria), você precisará arcar com apenas alguns custos de legalização, incluindo:

  • Taxa de registro na Junta Comercial;
  • Taxa de registro da PJ médica no CRM;
  • Aquisição de certificado digital.

Por sua vez, para começar com o pé direito e garantindo uma boa economia, ao escolher a Já Calculei Contabilidade, você garante abertura de empresa gratuita.

Quanto é o imposto para consultórios médicos?

Ao abrir um consultório médico e atuar como PJ, você poderá garantir uma importante economia de impostos.

Médicos que possuem CNPJ podem optar pelo Simples Nacional, cuja alíquota pode iniciar em apenas 6% sobre o faturamento mensal ou pelo Lucro Presumido, cuja tributação varia entre 13,33% e 16,33% sobre o faturamento.

Em ambas as alternativas, a carga tributária pode ser bem menor que a praticada sobre médicos que atuam como pessoa física e contribuem com até 27,5% apenas a título de Imposto de Renda.

Sabendo disso, você que chegou até aqui em busca de informações sobre como abrir um consultório médico, não precisa demonstrar preocupação com a sua futura tributação.

Como abrir um consultório médico [Passo a Passo]

Após conferir a resposta para as principais dúvidas que cercam o assunto, é hora de conferir em um passo a passo completo e objetivo, como funcionam os trâmites legais para abertura e legalização de um consultório médico.

1.Contrate uma contabilidade

Para começar com o pé direito e não cometer erros, a primeira coisa que você precisa fazer é contratar um serviço de contabilidade para médicos.

A contabilidade ficará responsável por esclarecer suas dúvidas, legalizar seu consultório e manter todas as obrigações futuras em dia com o fisco, incluindo:

  • Cálculo de pró-labore e folha de pagamento;
  • Cálculo de impostos e emissão de guias;
  • Entrega de obrigações acessórias ao fisco;
  • Elaboração do balanço contábil;
  • Escrituração de movimentos fiscais e contábeis;
  • Dentre outros itens importantes da contabilidade médica.

2.Separe a documentação necessária

Logo na sequência, você receberá orientações para separar a documentação necessária para abrir um consultório médico.

Ao contrário do que muitos pensam, a lista não é extensa e inclui apenas os seguintes itens:

  • RG e CPF;
  • Título de Eleitor;
  • Comprovante de Residência;
  • Registro no CRM – Conselho Regional de Medicina;
  • Inscrição Imobiliária ou Carnê IPTU do local para instalação da empresa;
  • Requerimento de Empresário ou Contrato Social.

Em caso de dúvidas com a documentação listada acima. Não se preocupe, pois, ao entrar em contato conosco você receberá toda a orientação necessária.

Abrir Empresa

3.Escolha um regime tributário e uma natureza jurídica

Dando sequência ao passo a passo para abrir um consultório médico, você receberá orientações da contabilidade para escolher um regime tributário e uma natureza jurídica.

Quanto ao regime tributário para consultórios médicos, temos três opções:

  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro Real.

Por sua vez, quanto à natureza jurídica, temos opções para médicos que desejam abrir o seu consultório de forma individual e para aqueles que desejam atuar em sociedade.

Confira as alternativas disponíveis:

  • EI – Empresário Individual;
  • SLU – Sociedade Limitada Unipessoal;
  • Sociedade Empresária Limitada;
  • Sociedade Simples.

4.Aguarde a emissão da documentação do seu consultório

Para fechar o nosso passo a passo sobre como abrir um consultório médico, a contabilidade providenciará a emissão dos seguintes documentos:

  • CNPJ – Cadastro Nacional das Pessoas Jurídicas;
  • Inscrição Municipal;
  • Alvará de Localização e Funcionamento;
  • Licença da Vigilância Sanitária;
  • Registro do consultório no CRM.

Assim que todos os documentos forem liberados, seu consultório estará pronto para entrar em funcionamento.

Pensando em abrir um consultório médico? Conte com a Já Calculei Contabilidade e abra o seu CNPJ de forma gratuita!

Para saber mais sobre os nossos serviços e esclarecer outras dúvidas, clique aqui e entre em contato conosco!