Como formalizar um pequeno negócio? Confira o passo a passo





Como formalizar um pequeno negócio?

Por: | Data: março 7, 2022

Como formalizar um pequeno negócio

Abrir uma empresa e montar o próprio negócio é o sonho de boa parte dos brasileiros. No entanto, muitos não sabem por onde começar ou com quem podem contar para tirar os sonhos do papel e colocar seus planos em prática.

Se você pensa em abrir ou formalizar um pequeno negócio, mas não sabe por onde começar, não se preocupe, preparamos um conteúdo completo para auxiliar você e tirar todas as suas dúvidas.

Por que é importante formalizar um pequeno negócio?

Formalizar um pequeno negócio é fundamental para o empreendedor que deseja crescer e garantir alguns benefícios importantes que não podem ser aproveitados na informalidade.

Abrir Empresa

Dentre os principais benefícios encontrados por quem opta pela formalização, podemos destacar:

  • Direito a um CNPJ;
  • Permissão para participar de licitações públicas;
  • Permissão para emitir notas fiscais;
  • Acesso a condições especiais de crédito e financiamento;
  • Acesso aos benefícios da Previdência Social;
  • Autorização para contratar funcionários;
  • Acesso a máquinas de cartão e mais formas de pagamento;
  • Maior credibilidade junto aos clientes;
  • Possibilidade de celebrar contratos e fechar mais negócios.
  • Dentre outros benefícios importantes.

Com todos esses benefícios, fica fácil perceber como a formalização pode ser importante para o empreendedor que deseja crescer.

Como formalizar um pequeno negócio?

Os primeiros passos para quem deseja formalizar um pequeno negócio, consistem na elaboração de um plano de negócios e na contratação de um serviço de contabilidade.

Com esses dois passos, o empreendedor estará cercado de todos os cuidados, orientações e informações que precisa para montar um negócio de sucesso.

Para ajudar você, preparamos um passo a passo com todos os detalhes que envolvem a formalização de um pequeno negócio e a abertura de um CNPJ. Vale a pena conferir!

1.Montagem do plano de negócios

Montar um plano de negócios é o primeiro passo para todo e qualquer empreendedor, independente do seu porte e do segmento que pretende atuar.

Um plano de negócios é o documento básico para o planejamento e desenvolvimento de uma empresa, pois reúne informações, como:

  • Missão, visão e valores;
  • Objetivos do negócio;
  • Estudo de concorrentes;
  • Definição do público-alvo;
  • Produtos e serviços a serem oferecidos;
  • Principais parceiros e fornecedores;
  • Capital inicial e planejamento financeiro;
  • Planejamento de marketing;
  • Forma de constituição da empresa;
  • Localização ideal para instalação do negócio.

2.Contratação do serviço de contabilidade

Após montar um plano de negócios e traçar os seus objetivos, o empreendedor deve buscar o apoio de um serviço de contabilidade.

O contador será o responsável por tirar suas principais dúvidas em relação ao processo para abertura e formalização de empresas, além de cuidar de todos os trâmites e documentos necessários para transformar seu sonho de empreender em realidade.

Com o apoio do contador, você definirá dentre outras coisas:

O melhor regime tributário para sua empresa:

  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro Real.

A melhor natureza jurídica para sua empresa:

  • EI – Empresário Individual;
  • SLU – Sociedade Limitada Unipessoal;
  • Sociedade Empresária Limitada;
  • Sociedade Simples;
  • A – Sociedade Anônima.

3.Documentos e consulta de viabilidade

Após contratar um contador, você precisará separar os documentos necessários para formalizar um pequeno negócio, incluindo:

  • RG e CPF;
  • Comprovante de Residência;
  • Inscrição Imobiliária do local para instalação da empresa.

Além disso, será necessário que o contador realize uma consulta de viabilidade junto aos órgãos competentes, conferindo com antecedência, se o tipo de atividade desenvolvida pela empresa pode ser realizada no endereço escolhido.

Abrir Empresa

4.Registro do negócio e abertura do CNPJ

Por fim, a contabilidade cuidará dos registros e documentos necessários para formalizar um pequeno negócio, incluindo:

  • Registro na Junta Comercial;
  • Emissão do CNPJ – Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica;
  • Emissão da Inscrição Estadual;
  • Emissão da Inscrição Municipal;
  • Emissão do Alvará de Localização e Funcionamento.

Pode parecer que são muitos documentos, no entanto, com o apoio de um contador, o prazo médio para registrar e formalizar um negócio é de 30 dias.

Como formalizar um pequeno negócio como MEI?

Uma das alternativas mais procuradas por quem pretende formalizar um pequeno negócio é o MEI – Microempreendedor Individual.

Criado justamente para incentivar o empreendedorismo e a formalização de pequenos negócios, o MEI pode ser uma boa opção, desde que respeitados os seus limites:

  • Faturamento anual limitado a R$ 81 mil;
  • Permissão para contratar apenas 1 funcionário;
  • O funcionário contratado não pode receber mais que o piso da categoria;
  • Não pode exercer determinadas atividades;
  • O empreendedor não pode ser sócio em outras empresas;
  • O MEI também não pode abrir filiais.

Considerando as limitações listadas acima, uma excelente alternativa para quem deseja formalizar um pequeno negócio é a ME – Microempresa.

Ao abrir uma microempresa seu negócio não estará restrito aos limites do MEI e ainda poderá contar com os benefícios do Simples Nacional, regime tributário que permite o pagamento de impostos em guia única.

Quanta coisa você já aprendeu sobre a formalização de um pequeno negócio, não é mesmo? Mas ainda não acabou, no próximo tópico, falaremos dos custos para abrir sua empresa.

Quanto custa para formalizar um pequeno negócio?

Muitos acreditam que formalizar um pequeno negócio envolve altos custos, e por isso, acabam desistindo do sonho de empreender e regularizar suas atividades.

No entanto, a boa notícia, é que o avanço da internet e da tecnologia, tornou possível que pequenos empreendedores formalizem suas atividades investindo muito pouco.

Aqui na Já Calculei Contabilidade, por exemplo, a abertura de CNPJ e formalização de empresas é gratuita para assinantes do plano anual.

Com mensalidade a partir de R$ 99,00 você conquista o seu CNPJ, formaliza suas atividades e ainda mantém todas as suas obrigações fiscais em dia com o fisco.

Formalizar o seu negócio é muito simples e essa decisão está nas suas mãos. Confira o passo a passo:

  • Efetue o seu cadastro em nosso chatbot, clicando aqui;
  • Escolha o plano ideal para as suas necessidades;
  • Efetue o pagamento da primeira mensalidade;
  • Solicite o seu CNPJ

Deseja saber mais e formalizar um pequeno negócio? Clique aqui e entre em contato conosco!

A Já Calculei atende empresas e empreendedores de todas as partes do país!