Como calcular o desconto do INSS: Tabela com novas alíquotas 2022

Por: | Data: abril 11, 2022

Como calcular o desconto do INSS

Como calcular o desconto do INSS? Esse é um tipo de dúvida muito comum entre os contribuintes brasileiros, principalmente após a publicação da portaria que atualizou e fez mudanças na tabela e nas alíquotas de contribuição.

Sabendo da existência desse tipo de dúvida, a Já Calculei Contabilidade Online decidiu preparar um conteúdo completo, explicando como funciona o cálculo do desconto INSS e esclarecendo outros pontos importantes.

Dito isso, se você possui dúvidas em relação às alíquotas, forma de cálculo e como contribuir para a Previdência Social, continue conosco e acompanhe esse conteúdo até o final.

Qual a alíquota de desconto do INSS?

A alíquota de desconto do INSS varia em função do perfil dos contribuintes, iniciando em 5% do salário mínimo para contribuintes de baixa renda e chegando a 20% sobre a renda no caso dos profissionais autônomos.

Contabilidade Online

Por sua vez, para aqueles que trabalham com carteira assinada, a alíquota inicia em 7,5% e pode chegar a 14% de acordo com a faixa salarial, conforme demonstramos na tabela abaixo.

Salário (de) Salário (até) Alíquota
R$ 0,00 R$ 1.212,00 7,5%
R$ 1.212,01 R$ 2.427,35 9%
R$ 2.427,36 R$ 3.641,03 12%
R$ 3.641,04 R$ 7.087,22 14%

Como funciona o desconto do INSS?

Para calcular o desconto do INSS, o primeiro passo é entender qual é a sistemática de contribuição utilizada. Na sequência, vamos apresentar os modelos.

1.Contribuinte de baixa renda – 5%

A alíquota de 5% sobre o salário mínimo é destinada a contribuintes de baixa renda, ou seja, pessoas que cumprem os seguintes requisitos:

  • Não exercem atividade remunerada e se dedicam exclusivamente ao trabalho doméstico em sua residência;
  • Não possuem fonte de renda própria;
  • Pertencem à família de baixa renda, com inscrição no Cadastro Único para programas Sociais do Governo Federal, o CadÚnico, com situação atualizada nos últimos 2 anos.

Pessoas que contribuem para o INSS nesta modalidade, ficam sujeitas a aposentar com o valor de 1 salário mínimo.

2.Plano simplificado – 11%

O desconto do INSS com alíquota de 11% é destinado ao contribuinte individual, que não tem relação de emprego com pessoa jurídica, mas que também não se enquadra como contribuinte de baixa renda.

Nesse caso, a alíquota de contribuição corresponde a 11% sobre o salário mínimo e garante o direito à aposentadoria com 1 salário mínimo.

3.Plano Normal – 20%

O plano normal é a opção destinada aos contribuintes que não se encaixam nos modelos anteriores

A alíquota de contribuição no plano normal o desconto do INSS é de 20% sobre a remuneração mensal, respeitado o teto do INSS.

Essa é a alíquota utilizada para o cálculo do INSS de profissionais autônomos, como médicos, dentistas, engenheiros, contadores e advogados.

Vale destacar que mesmo os contribuintes que não estão obrigados a recolher por esse plano, como aqueles que se encaixam no plano simplificado, podem optar pelo plano normal para garantir uma aposentadoria maior que o salário mínimo no futuro.

4.Contribuintes CLT – 7,5% a 14%

Por fim, temos os contribuintes CLT, ou seja, pessoas que trabalham com carteira assinada.

Conforme a tabela que mostramos anteriormente, o desconto do INSS para pessoas que se enquadram nessa categoria, varia de 7,5% a 14% sobre a remuneração mensal.

Neste formato, também é possível se aposentar com um valor superior ao salário mínimo.

Como calcular o desconto do INSS?

Para resumir tudo que vimos até aqui, veja como calcular o desconto do INSS em cada modalidade:

  • Contribuinte de baixa renda: Salário Mínimo * 5%
  • Plano simplificado: Salário Mínimo * 11%
  • Plano normal: Remuneração do trabalhador * 20%

Por fim, temos o cálculo do INSS para os contribuintes em regime CLT, que é o mais complexo, por ser realizado em fases.

Veja como funciona o cálculo, com base em um trabalhador com remuneração de R$ 5.000,00 mensais:

Memória de Cálculo:

1º Passo: Calcular 7,5% sobre o salário mínimo que é o valor teto da primeira faixa:

  • R$ 1.212,00 * 7,5% = R$ 90,90

2º Passo: Deduzir da 2ª faixa, o teto da 1ª faixa e aplicar a alíquota de 9% sobre a diferença:

  • (R$ 2427,35 – R$ 1212,00) = R$ 1215,35 * 9% = R$ 109,38

3º Passo: Deduzir da 3ª faixa, o teto da 2ª faixa e aplicar a alíquota de 12% sobre a diferença:

  • (R$ 3.641,03 – R$ 2.427,35) = R$ 1.213,68 * 12% = R$ 145,64

4º Passo: Por fim, como a remuneração é menor que o valor do teto da 4ª faixa, utilizaremos o valor do salário para calcular a última faixa.

Sendo assim, é preciso pegar o salário do funcionário e deduzir o teto da segunda, aplicando 14% sobre o resultado encontrado:

  • (R$ 5.000,00 – R$ 3.641,03) = R$ 1.358,97 * 14% = R$ 190,25

5º Passo: Por fim, basta somar o resultado de cada faixa para encontrar o valor de contribuição.

  • Total de recolhimento de INSS: 90,90 + 109,38 + 145,64 + 190,25 = R$ 536,18

Quais são os benefícios do INSS?

Agora que você já sabe como calcular o desconto do INSS, confira os benefícios que a Previdência Social oferta aos contribuintes:

  • Aposentadoria por idade;
  • Aposentadoria por invalidez;
  • Pensão por morte;
  • Auxílio-doença;
  • Auxílio-acidente;
  • Salário maternidade;
  • Salário família.

Contabilidade Online

Para ter acesso a aposentadoria e demais benefícios listados acima, é fundamental que o contribuinte contribua mensalmente para o INSS, optando por um dos planos de contribuição que listamos ao longo do conteúdo.

Vale destacar que a contribuição é obrigatória, conforme determina o artigo 201 da Constituição Federal:

“Art. 201. A previdência social será organizada sob a forma de regime geral, de caráter contributivo e de filiação obrigatória, observados critérios que preservem o equilíbrio financeiro e atuarial, e atenderá, nos termos da lei.”

Precisando de auxílio e orientação para calcular, impostos, a contribuição previdenciária e a folha de pagamento da sua empresa?

Conte com o apoio e assessoria do time de contadores da Já Calculei Contabilidade Online, clique aqui e entre em contato conosco!