Saiba o que é SEFIP

Por: | Data: julho 1, 2021

Saiba o que é SEFIP

Quando uma empresa faz o registro de um novo funcionário através de sua contabilidade online, é necessário que se recolha uma porcentagem da remuneração do mesmo para destinar ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e para a Previdência Social.

Foi para facilitar esse trabalho que o SEFIP foi criado. Ele auxilia não só no recolhimento quanto na declaração dos valores a serem enviados pela contabilidade online. Sendo assim, é essencial tanto para a empresa quanto para o trabalhador.

O SEFIP foi criado para tornar mais seguro e para facilitar o envio de informações para a Previdência Social, assim como para o recolhimento do FGTS. Ambos garantem os direitos do trabalhador, como seguro-desemprego e aposentadoria.

No entanto, apesar de sua importância, muitas empresas não conhecem bem os seus trâmites. Sendo assim, esse artigo vai apresentar o SEFIP para que não haja mais dúvidas. Leia e compartilhe!

O que é SEFIP?

Como dito anteriormente, quando uma empresa contrata um colaborador, ela precisa fazer o recolhimento de uma porcentagem da remuneração do mesmo para encaminhar para o FGTS e para a Previdência Social através de sua contabilidade online.

Essa porcentagem tem variações, de acordo com o tipo de registro. São elas:

  • 8% para trabalhadores comuns; e
  • 2% para o menor aprendiz.

Esses valores recolhidos da remuneração do trabalhador precisam ser declarados pela contabilidade online. E é onde o trabalho do SEFIP começa.

Ele é um aplicativo que foi desenvolvido pela Caixa Econômica Federal para simplificar o recolhimento e a declaração dos valores junto à Previdência Social. Isso tudo é feito com segurança, rapidez e online.

SEFIP significa Sistema Empresa de Recolhimento de FGTS e Informações à Previdência Social. Ele tem três grandes funções:

  • Gerar um arquivo de informações da empresa e de seus funcionários junto à Previdência Social e ao FGTS;
  • Gerar a Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social (a GFIP); e
  • Consolidar e declarar os dados relativos aos empregadores e ao recolhimento de valores destinados à Previdência Social e ao FGTS de seus funcionários.

Sendo assim, é preciso utilizar o SEFIP para que se possa emitir um boleto com código de barras que permita a empresa a pagar o FGTS de seus colaboradores. A ferramenta ainda gera comprovantes que atestem o pagamento correto dos valores, evitando com isso possíveis problemas legais.

Contabilidade Online

Importância da SEFIP

O SEFIP tem diversas vantagens para as empresas, para os trabalhadores e para a sociedade. No primeiro caso, as organizações conseguem cumprir seus deveres de maneira mais prática e simples, realizando os pagamentos e declarando aos órgãos competentes. E isso independe do seu porte.

Além disso, existe a vantagem de fazer todo esse processo sem ter que se deslocar. Há ainda a possibilidade de gerar os comprovantes de pagamento online, reduzindo custos. Isso tudo pode dar mais segurança às empresas em processos trabalhistas.

As vantagens para os trabalhadores também são grandes. O SEFIP é a forma mais prática de se assegurar direitos como, uso de benefícios assegurados pela Previdência Social, conferência de sua situação no INSS e no FGTS e a requisição de aposentadoria.

 

Instalação do SEFIP

O SEFIP é um aplicativo grátis que pode ser baixado de três diferentes sites:

  • Previdência Social;
  • Receita Federal; e
  • Caixa Econômica Federal.

Só é preciso encontrar o link para o download e a instalação do SEFIP em qualquer um desses sites. Quando se clica nele, o download é iniciado e o arquivo, salvo no computador, em geral na pasta ‘downloads’. Depois disso é só clicar no ícone e executá-lo para instalar.

Para usar o aplicativo SEFIP pela primeira vez, é preciso seguir alguns passos. São eles:

  • Cadastrar Responsável: será preciso preencher, sem acentos e vírgulas, as informações referentes à organização (endereço, UF, CNPJ etc.). É preciso ainda inserir dados relativos ao fornecedor da folha de pagamento, isto é: o dono da organização e seu CPF;
  • Nova empresa: momento para cadastrar a organização com dados como: código do Fundo da Previdência e Assistência Social (FPAS), CNPJ, código de atividade econômica (CNAE) e razão social; e
  • Novo trabalhador: Será preciso cadastrar cada empregado no sistema individualmente, pois para cada um deles será gerada uma guia de recolhimento do FGTS todos os meses.

É importante ressaltar que a correta destinação de valores recolhidos ao FGTS e à Previdência Social é instituída por lei e obrigatória, assim como sua declaração aos órgãos referentes a ela, como o INSS, por exemplo (Lei nº 9.528, de 10/12/1997).

Assim, o SEFIP facilita esse procedimento, pois gera a guia de recolhimento e envia os dados online e automaticamente ao INSS. Cabe ao empregador somente guardar os comprovantes.

Esse post tirou todas as suas dúvidas sobre o SEFIP? Agora que você conheceu a sua importância, visite o nosso site. Somos uma empresa de contabilidade online, abertura grátis de empresas e de migração de MEI para ME. Temos atendimento rápido e o melhor serviço. Entre em contato para maiores informações.

Tags: , , ,